Secretaria do Meio Ambiente e Defesa Civil monitoram Rio atingido por óleo em Joinville

20 de janeiro de 2015
admin

A Defesa Civil e a Sema (Secretaria do Meio Ambiente de Joinville) monitoram o rio Seco, que foi atingido pelo derramamento de 12,4 mil litros de óleo de xisto, na tarde de quarta-feira (14), quando um caminhão tanque tombou no km 16 da SC – 418, na Serra Dona Francisca. O veículo caiu em um barranco de 50 metros, próximo ao um córrego. Praticamente toda a carga vazou. O motorista sofreu ferimentos leves.

Imediatamente, funcionários da Defesa Civil e da Sema foram acionados pela Central de Emergência (193) e iniciaram o monitoramento do leito do afluente do rio Cubatão, que abastece quase 70% do município. Quatro mantas absorventes são utilizadas na contenção de água contaminada com 12,4 mil litros de carga tóxica.

Três pontos, numa extensão de quatro a cinco quilômetros, passam pela fiscalização ambiental. Apenas um é de difícil acesso. “O ideal é que esse trabalho de retirada do óleo seja feito em, no máximo 48 horas. Além disso, já instruímos os moradores da região a não beber ou utilizar essa água na criação de animais”. explica o coordenador de emergências ambientais, Jackson Seidel.

Polícia Militar Ambiental e técnicos da Sema fizeram a coleta do material, do solo e da água para análises em laboratório. Segundo Seidel, o óleo de xisto é uma substância viscosa, usada para mistura com asfalto, que pode causar riscos à saúde. A transportadora será autuada por dano ambiental ou contaminação do solo e da água e receberá a multa após os resultados dos lucros.

De acordo com Jackson Seidel, há sensores por toda a Estação de Tratamento de Água do rio Cubatão (ETA), responsável por fornecer 70% da água de Joinville. “Caso for identificada a presença do produto químico na água, o abastecimento é rapidamente interrompido. Como não choveu no local, facilitou nosso trabalho de contingência. Assim podemos reduzir o dano ambiental, informou o técnico da Sema.

Uma empresa de emergências ambientais foi contratada pela transportadora e realiza a sucção do material. A Companhia Aguas de Joinville acompanha as ações e monitora a ETA do Rio Cubatão para que o óleo não afete o abastecimento.

 

FONTE: http://ndonline.com.br/joinville/noticias/227096-secretaria-do-meio-ambiente-e-defesa-civil-monitoram-rio-atingido-por-oleo-em-joinville.html

No comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>